Canal no YouTube: como posso crescer o meu canal? - Dicas digitais
Close

Blog

Canal no YouTube: como posso crescer o meu canal?

Fala galera, Rapha aqui.

Todo mundo já sabe que o YouTube é uma ótima ferramenta para se aproximar da audiência e fazer um conteúdo mais dinâmico, mas quase não se fala sobre isso em cursos, então eu vou mostrar formas de entrar no mundo do YouTube, como construir uma autoridade por lá, criar conteúdo mais tenso e ainda monetizar o seu canal.

Pode parecer muito difícil ter um canal no YouTube e que tem que ter um material profissional para fazer isso, porém não é nada disso que você está pensando.

Primeiro você tem que fazer as configurações básicas do seu canal:

  • Nome do canal

Como tudo que nasce ou é criado, você tem que ter um nome para o seu canal, pode ser o seu próprio nome ou um nome inventado por você desde que seja simples e de fácil entendimento.

  • Thumbnail

Todos os vídeos precisam ter uma capa legal para chamar atenção das pessoas que estão navegando pela plataforma. Faça uso de setas e elementos sobre o assunto do vídeo.

Obs: Pode fazer a thumbnail pelo Canva.

  • Título do vídeo

Trabalhe técnicas de SEO para criar títulos chamativos sobre o assunto que você está falando no vídeo.

  • Vinheta

É uma abertura com o nome do seu canal e uma música livre de direitos autorais que você vai colocar após fazer uma breve introdução sobre o assunto do vídeo.

  • Audiência

Agora você precisa saber se o público do seu YouTube será o mesmo do Instagram. Caso não seja, você terá que fazer o estudo de persona que expliquei a algumas aulas atrás.

  • Frequência

Muitos canais grande postam vídeos todos os dias, mas isso é muito difícil para quem está começando, então eu recomendo que poste no máximo duas vezes por semana e com o tempo você pode diminuir a frequência. Defina um horário para manter a consistência semanal, assim a sua audiência vai saber que no determinado dia e horário vai ter vídeo novo no canal.

  • Analise as métricas

Existem duas maneiras de analisar as métricas, através do próprio Studio YouTube e também pela extensão do VIDIQ. Essa extensão é muito boa para analisar assuntos no momentos, saber quais são as melhores hashtags para o assunto do seu vídeo e em como o seu vídeo pode se sair em meio a concorrência.

Obs: Não tem aplicativo do VIDIQ, pode ser somente usado por extensão no Google Chrome.

  • Monetização

Para o seu canal ser monetizado, você precisará ter pelo menos mil inscritos e 4 mil horas assistidas nos últimos meses. No entanto, para começar a receber o dinheiro é necessário ter uma conta no Google AdSense.

  • Trailer para não inscritos

Esse trailer será direcionado para as pessoas não são inscritas e que estão visitando o seu canal pela primeira vez, é muito bom para convencer essa pessoa a ser inscrever, então use esse espaço para se apresentação, seja breve e claro sobre as qualidades do seu canal.

  • Vídeo em destaque

É para qualquer usuário que seja inscrito ou não inscrito no seu canal. Você também pode fazer uma apresentação breve sobre quem é você e o que faz no seu canal.

  • Branding

Na sessão branding do YouTube, você vai colocar uma foto sua, um banner para o seu canal com user das suas outras redes sociais e também uma marca d’água.

Obs: Coloque “Inscreva-se” na marca d´água para incentivar a sua audiência a se inscrever.

  • Hashtags

Use palavras chaves que tenha relação com o seu nicho para as pessoas te acharem com mais facilidade e também crie uma hashtag aleatória para o seu vídeo ser ranqueado nela. Pode colocar até 500 caracteres no seu vídeo, então dá para aproveitar muito bem esse espaço.

  • Estatísticas

É nessa aba que você vai saber tudo sobre como o seu canal está performando na plataforma, quais foram os vídeos mais vistos do mesmo, qual recebeu mais likes, quantos usuários se inscreveram no seu canal, de onde vem o trafego do seu canal, etc. Tudo muito simples de acompanhar.

  • Playlist

Para você listar os seus vídeos por assuntos. Vou usar o meu canal com exemplo, então lá no meu canal tem a playlist de Marketing Digital, Palestras, Lives, Sebrae e Eventos.

  • Biblioteca de áudio.

Lá tem várias músicas livre de direitos autorais que você vai poder usar nos seus vídeos sem dá problema com strike futuramente.

O YouTube é uma plataforma muito legal e completa para quem quer produzir conteúdo por lá, então defina bem as suas estratégias e continue postando semanalmente para ir crescendo aos poucos. Esse é um panorama geral do YouTube para a construção da sua autoridade.

Rapha Falcão

Dicas Digitais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *